ENTREVISTA: Paulo Tsuge, diretor do Grupo Tsuge 14 de março de 2019 – Tags: ,

(entrevista realizada em fevereiro/2019 com a colaboração de Daniel Azevedo – Dados Comunicação)

O Grupo Tsuge, um dos líderes brasileiros da produção e exportação de abacates, está instalado desde 1974 na região de São Gotardo, MG, um dos mais importantes polos produtores de hortifruti do País. Dedica-se com exclusividade a essa cultura há cerca de duas décadas, depois de experiências com pouco sucesso na produção de arroz e soja nessa área do Cerrado mineiro, onde depois cultivou café, gradativamente substituído pelo abacate. Nesta entrevista, Paulo Tsuge, filho e sobrinho dos cofundadores do grupo, os irmãos e imigrantes japoneses Naohito e Masahito Tsuge, revela a trajetória da família na agricultura brasileira, desde que seus avós desembarcaram no Brasil em 1954. Paulo Tsuge e seu pai Naohito são mais duas personalidades da fruticultura focalizadas pelo portal TodaFruta.

 

TodaFruta – Qual é a história do Grupo Tsuge?

Paulo Katsuo Tsuge – Nossa história começou há mais de seis décadas e do outro lado do mundo. Meu avô já era produtor rural profissional no Japão, antes de vir ao Brasil em 1954. Ele vendeu a propriedade que tinha e comprou terras, inicialmente, no Norte do Paraná.

As coisas foram muito difíceis para ele, minha avó, meu pai e meu tio no começo. Houve uma geada em 1955 e eles perderam praticamente toda a produção. Mas conseguiram superar os desafios com muito trabalho, persistência e sabedoria.

Em 1974, meu pai – Naohito Tsuge – convenceu meu avô a vir para o Cerrado de Minas Gerais. No mesmo ano, chegaram à região de São Gotardo com um fusca, uma mala, a cara e a coragem para produzir em três lotes de terra. A ideia era produzir café e arroz.

Com o tempo, percebemos que o arroz sentia a altitude e tentamos soja, também sem sucesso. Assim, ficamos com o café durante muitos anos até que, há cerca de 25 anos, começamos a migrar para o abacate. Hoje nossa produção e nossa infraestrutura são 100% dedicadas a esta fruta.

Na foto, à esquerda, Paulo Katsuo Tsuge; à direita, Naohito Tsuge no viveiro da empresa

 

TodaFruta – Qual é a estrutura atual do Grupo Tsuge para a produção de abacate?

Paulo Katsuo Tsuge – Hoje, temos cerca de 700 hectares de abacates plantados e contamos com viveiro de mudas, laboratório, escritório e uma estrutura de packing, que nos habilita a comercializar com todo o Brasil e também o exterior, exportando para países como Holanda e Espanha. Temos orgulho de haver chegado a isso e sempre buscamos melhorar. O nosso packing (foto abaixo), por exemplo, emprega técnicas de seleção, processamento, empacotamento e refrigeração.

No laboratório, produzimos um tipo da vespa Trichogramma spp., que substitui produtos químicos no combate à “broca do abacate”, pricipal praga dos abacateiros. Nosso objetivo de médio prazo é ter a produção orgânica para atender o desejo de um crescente número de consumidores.

 

TodaFruta – Há diferenças entre as exigências feitas por consumidores brasileiros e estrangeiros?

Paulo Katsuo Tsuge – Para nós, não. Garantimos a mesma qualidade tanto no mercado interno quanto no externo. Por isso, nos esforçamos para demonstrar nossas boas práticas e obtivemos quatro certificações internacionais das mais respeitadas em todo o mundo, entre elas, a Global Gap (Boas Práticas para o mercado europeu), a Rainforest Alliance (uma das certificações mais exigentes sobre sustentabilidade ambiental), a HACCP (riscos críticos) e a Grasp (boas práticas sociais).

É claro que os consumidores podem ter gostos diferentes. Por exemplo, o consumidor europeu prefere o Avocado, ingrediente da famosa receita mexicana, o guacamole, que é menor e tem a casca mais escura.  Já o consumidor brasileiro aceita bem outras variedades como Fortuna, Quintal, Breda e Margarida, dependendo da época do ano. O Grupo Tsuge produz todas essas variedades.

Aqui no Brasil, apesar de já haver o uso de abacate em receitas “salgadas”, mantém-se a tradição de receitas doces com a fruta. Na verdade, o abacate é ótimo para centenas de receitas e extremamente saudável. Atletas de alto desempenho não abrem mão do abacate em suas dietas.

 

TodaFruta – Quais são as propriedades do abacate?

Paulo Katsuo Tsuge – É um alimento nutritivo. Contém 11 vitaminas e 14 minerais, sendo recomendado para antes e depois de práticas esportivas, como um isotônico natural. É até classificado como afrodisíaco. Os abacates também têm aminoácidos em sua composição, que os tornam um poderoso antioxidante. Portanto, sua ingestão regular ajuda a prevenir doenças como câncer e problemas cardiovasculares.

Por tudo isso, atletas e pessoas adeptas de uma vida saudável, assim como chefes de cozinha e famílias, estão redescobrindo o abacate em todo o mundo.

 

TodaFruta – Quanto ao futuro, quais são os planos do Grupo Tsuge?

Paulo Katsuo Tsuge – Seguindo nossa tradição familiar, queremos sempre evoluir, agregar valor e qualidade aos nossos produtos. Não buscamos ser os maiores e sim os melhores no que fazemos. Ficamos muito orgulhosos de saber que nossa dedicação e carinho se refletem em prazer, saúde e bem-estar para quem consome nossos produtos em qualquer parte do mundo. Sempre foi assim com meu avô, meu pai, meu tio e agora com toda a nossa equipe.